Colaboradores:

Polícia Ambiental apreende material para caça e arma em Trajano de Morais


No dia 11/03 sexta-feira, uma equipe Sub Tenente Éverson e Sargento Ferraz, da Unidade de Polícia Ambiental do Parque Estadual do Desengano, procedeu Sítio São João Batista, Córrego Vermelho, zona rural, Sodrelândia, 5º Distrito, Trajano de Moraes,RJ, para cumprir denúncia de prática de caça predatória.

Após fazer contato com o J. B. P. G. (acusado) de 73 anos, o mesmo informou não caçar. Em seguida a equipe encontrou no quintal da residência, uma armadilha utilizada para captura de animais silvestres, sendo perguntado se possuía arma de fogo diz que sim, entregando a mesma e os seguintes materiais; 01 espingarda cal.36, marca Rossi, sem numeração aparente, 15 cartuchos cal.36 deflagrados, 03 cartuchos cal.28 deflagrados, 08 cartuchos cal.28 recarregados, 07 cartuchos cal.28 intactos, 01 recipiente contendo aproximadamente 20g de pólvora, 200g de chumbo e 34 espoletas. Diante do exposto e com base no art 12 da lei 10.826/03 , guarnição arrecadou o material e deu voz de prisão ao acusado e procedeu a 157ª DP Trajano de Morais, para apreciação da autoridade policial.

Fonte e foto: Unidade de Polícia Ambiental

Por Adriano Teixeira